Africanidades Brasileiras e Educação

O PDF da coletânea “Africanidades Brasileiras e Educação”, organizada por Azoilda Loretto Trindade, está disponível para leitura e download na internet. A obra é composta de textos que foram produzidos para o programa Salto para o Futuro, da TV Escola, ao longo da última década. O projeto surgiu e ganhou força durante a produção do documentário Africanidades Brasileiras e Educação, exibido em outubro de 2008, pela TV Escola. Acesse aqui o PDF, E Aqui para leitura online

O livro chega a professores e interessados no tema justamente no ano em se comemoram os 10 anos da promulgação da Lei 10639/03 , que torna obrigatório o ensino da história e cultura afro-brasileira e africana em todas as escolas.

Para a realização do documentário que deu origem ao livro foi necessário realizar uma pesquisa que envolveu uma seleção de textos sobre a temática nas publicações eletrônicas, além do visionamento de séries e transcrição de entrevistas que compõem o acervo do programa. Daí para esta coletânea, estava dado o primeiro passo.

Caberia à organizadora explicitar, a partir da linha editorial, a concepção teórica que fundamenta o trabalho e a organização dos capítulos, de acordo com as temáticas
subjacentes aos textos. Ela foi além, empreendendo uma busca que excedeu às séries
realizadas especificamente para subsidiar a implementação da Lei n. 10.639/03.

Nessa perspectiva, a obra traz infinitas possibilidades de leitura e combinações temáticas
desafiadoras. O capítulo 1 trata de Abordagens multiculturais amplas; o capítulo 2, que inclui o texto complementar ao documentário, enfoca as Africanidades; e o capítulo 3 aponta para Entrecruzamentos temáticos, ao destacar as contribuições da ciência e da literatura nas abordagens multiculturais.

O livro é mais uma iniciativa da Secretaria de Educação Básica (SEB), do Ministério da
Educação, que, por meio do programa Salto para o Futuro, da TV Escola, tem buscado
contribuir para a formação continuada de professores da Educação Básica na implantação da Lei 10639/03.

Vale destacar que a maior parte dos textos que compõem esta publicação foi produzida
para séries que foram realizadas pelo Salto para o Futuro/TV Escola por demandas feitas
pela Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão (SECADI),
do Ministério da Educação. O objetivo comum é o de colocar em pauta a questão da diversidade, tão significativa para a construção de uma escola mais equânime, numa
sociedade que precisa, cada vez mais, se assumir como multicultural e pluriétnica,
ultrapassando exclusões e preconceitos de todas as ordens.

Confira e compartilhe o video aqui: Salto para o Futuro – Africanidades Brasileiras e Educação

Fonte: Refletor